PUBLICIDADES

14 de janeiro de 2012

Boa Esperança poderá ter Escola Técnica "Brasil Profissionalizado"

O prefeito Romualdo Milanese recebeu na última terça-feira (10-01), a visita do secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, Jadir Pella. O secretário esteve em Boa Esperança para falar sobre o Programa Brasil Profissionalizado, que visa à construção de Unidades de Educação Profissional e Tecnológica em vários municípios capixabas.
Boa Esperança é um dos municípios que poderão ser contemplados no Programa, através de parceria com Governo do Estado. Durante a visita, acompanhado do prefeito Romualdo e dos secretários municipais Ronaldo Lubiana e Heraldo Orato, de Administração e Planejamento, respectivamente, Pella conheceu o terreno adquirido pela prefeitura para expansão planejada da cidade, onde poderá ser construída a Escola Técnica para profissionalizar jovens e adultos.
“Estamos trabalhando com uma proposta de implantação de escolas técnicas estaduais, que neste conjunto o município doará o terreno com 12.000 metros quadrados, o Governo do Estado faz convênio com governo federal para implantar escolas do Programa Brasil Profissionalizado. A escola de educação profissional que vai trabalhar Formação Inicial e Continuada (FIC) visa formar pessoas em áreas diversas em qualquer eixo tecnológico, que são cursos de 200 a 500 horas de duração, ou seja; pode formar pedreiro, carpinteiro, padeiro, eletricista, designer e outros. Depois dessa avaliação o município ainda será submetido a uma missão do MEC que virá para validar a solicitação e com essa validação inicia-se o processo de implantação”, explica Jadir Pella.
Ainda segundo informou o secretário, a escola terá cursos técnicos regulares específicos em áreas variadas, com objetivo de atender o município e também toda a região.
“Os cursos serão ofertados concomitante com o ensino médio, ou seja, um jovem daqui ou de outro município que estudar nesta escola, poderá fazer o ensino médio e a partir do terceiro ano iniciar o curso profissionalizante”, destaca.
Também aquelas pessoas que já terminaram o ensino médio, trabalhadores  ou não, que tem interesse entrar no mercado de trabalho e aquelas que precisam se requalificar terão mais oportunidades.
 “É um projeto arrojado na área educacional, que enche os olhos da gente e no que depender do município estamos prontos para atender no que for necessário para construção dessa escola. Quando recebemos a noticia de que Boa esperança poderá e com certeza ter esse benefício ficamos muito felizes, acreditamos no projeto, embora isso dependa também dos governos federal e estadual”, ressalta o prefeito Romualdo Milanese.

Nenhum comentário:

 

©2009 Célio Magrini | Template Blue by TNB